A World Under Pressure

PANORAMA: 

Mundo: 9 milhões de pessoas contaminadas – 500 mil mortos.
Brasil: 1 milhão de pessoas contaminados – 50 mil mortos.
Brasil e EUA tem quase 40% dos casos mas são apenas 7% da população mundial.

Talvez daqui pra frente daremos mais valor aos amigos, à família e ao passeio no parque. Pode ser também que fiquemos mais paranóicos, exigentes e chatos com as questões de higiene, limpeza, assepsia, contaminação e organização das coisas, pelo menos por algum tempo. 

Aglomerações não parecem mais tão divertidas como antes. Mas, claro que vai ter futebol, vai ter shows e vai ter rolê… De alguma forma, percebemos o tanto de energia que colocávamos em questões supérfluas e que, podemos economizar muito melhorando o plano. 

A peste mata mais que o trânsito, que os homicídios e que os desastres naturais e deixa o legado de uma economia em frangalhos. No pós-pandemia, vamos rever conceitos, desejos e vontades. Estamos reelencando as nossas prioridades. 

Teremos também que nos blindar para que nunca mais aconteça a máxima de Arnold Toynbee: “O maior castigo para aqueles que não se interessam por política é que serão governados pelos que se interessam.” Pior parte da Pandemia do Século XXI.

Mas temos também novos e brilhantes expoentes. Temos Jacinda Ardern, Justin Trudeau e a filha de um pastor luterano Angela Merkel em seu 4º mandato consecutivo. Precisamos mesmo da benção dos bons pastores que cuidam das ovelhas, da terra, da cria, do sustento e do elã.

Talvez teremos um mundo mais limpo e seguro mas não mais justo. Sempre haverá os menos favorecidos, os desamparados, os vulneráveis, sem teto e sem chão. Qualquer visão radical de direita ou esquerda não vingará. Liberté, Egalité, Fraternité.

Quando tudo isso acabar, lamberemos nossas feridas, lembraremos dos mortos e nos convalesceremos entre nós. Aprenderemos muito. Perceberemos exitações e excessos. Cuidaremos melhor das crianças e dos idosos. Globalização não é uma opção, é fato.

Se conseguimos superar os dinossauros, a peste bubônica, a varíola, a cólera, a tuberculose, a gripe espanhola, a fome e duas guerras mundiais, é bem provável que superaremos também o COVID19. Só não estou ainda convencido de que poderemos superar a vaidade humana.

@Valdir Jose Lanza

@Valdir Jose Lanza

Fundador da Êxodo Propaganda
Publicitário / Marketeiro

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Brahma lança novo produto dentro de jogo online

Nesta segunda-feira, 28 de Setembro a Brahma lançou seu novo produto
Long Neck Duplo Malte dentro do servidor Cidade Alta do jogo GTA V, onde reuniu
30 influenciadores para uma festa no espaço virtual que foi transmitida nas
plataforma Twitch e Facebook.
A ação foi totalmente interativa, os jogadores deveriam carregar caminhões
com cerveja para fazerem entregas e ganharem pontos, outra questão trabalhada
foi a responsabilidade, os jogadores que haviam bebido não poderiam dirigir.
Essa foi a primeira ação da Brahma dentro do universo gamer que não
costuma ter a presença de marcas de cerveja, além disso essa forma de fazer
publicidade ainda é recente, mas a expectativa é de que se torne cada vez mais
comum.

Continuar lendo

Gostou dos nossos serviços?

Entre em contato

(13) 3288-1886

Avenida: Ana Costa, 374, 112

Siga nossas redes

Êxodo © 2019. Todos os Direitos Reservados.

×